Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Polícia Civil realizou uma operação de busca e apreensão na última sexta-feira (10) com o objetivo de frear uma das contas do chamado “homem-pateta” que surgiram nas redes sociais nos últimos meses. O alvo foi um adolescente de Sorocaba (SP).

Segundo informações dos jornalistas Alex Tajra e Luís Adorno, do Uol, a conta do jovem usava o nome “Jonathan Galindo”, adotado por outros perfis semelhantes. À Polícia, o dono da conta afirmou que se tratava “apenas de uma brincadeira”.

Os “homens-patetas” tem assustados pais e mães por promover “desafios” a crianças que incluem automutilação e suicídio. O surgimento do perfil faz lembrar o caso da “Baleia Azul”.

Além de São Paulo, casos semelhantes já foram registrados no Mato Grosso do Sul e em Santa Catarina. Não se sabe ao certo a origem desses perfis.

Com informações do Uol


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •