Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Inovação (Sedecti), participou, na manhã desta segunda-feira (22/11), da abertura do Global New Economy Forum (Fórum Global da Nova Economia), que acontece entre os dias 22 e 24 de novembro de 2021, tendo a capital do Amazonas, Manaus, como a sede do evento.

O Fórum acontece nos moldes do Fórum Econômico Mundial (WEF – sigla em Inglês), de Davos, na Suíça, mas voltado aos temas da nova economia pós-pandemia.

O objetivo do Fórum é debater as bases da Nova Economia Mundial Pós-Covid-19, em áreas como: ESG, Sustentabilidade, Economia Verde, Energias Renováveis, Segurança Alimentar, Produção de Alimentos, Produção de Vacinas, além da agenda do Mercado Financeiro.

A abertura do evento contou com a participação do governador do Amazonas, Wilson Lima, via vídeo, que deu as boas-vindas aos representantes dos 32 países participantes.

“Para nós, a realização do Fórum no Amazonas é simbólica. Somos o estado que concentra a maior parcela preservada da Amazônia. E por esta razão, temos potencial incomparável para sermos referência no desenvolvimento econômico sustentável, com políticas ambientais e sociais complementares e bem definidas”, destacou Lima.

O governador do Amazonas reforçou ainda o cenário que foi imposto para a economia em função da pandemia provocada pelo novo coronavírus.

“Entendemos que estas políticas são pilares indissociáveis da nova economia, sobretudo para o cenário mundial pós-Covid, que é um dos temas centrais deste Fórum. A pandemia impôs desafios ainda maiores para o desenvolvimento sustentável. São desafios que exigem de todos nós, Governo e sociedade como um todo, um compromisso efetivo com modelos de desenvolvimento que promovam a retomada da economia em bases sustentáveis e, principalmente, que estejam pautados no combate à pobreza, garantindo a segurança alimentar e o bem-estar social’, pontuou o governador.

Sustentabilidade e clima – O secretário da Sedecti Jório Veiga, destacou a relevância do evento para o Amazonas com o debate de pautas de grande relevância baseadas na sustentabilidade e no clima.

“O Fórum trata sobre a retomada do desenvolvimento econômico de forma sustentável nesse período pós-pandemia e, para isso, acontece este encontro aqui em Manaus, onde o evento deverá acontecer anualmente. São pessoas de vários países, reunidas tentando colaborar para a construção de oportunidades de crescimento de forma sustentável, levando em consideração a questão tanto da sustentabilidade, quanto da proteção ao clima”, frisou Veiga.

Fórum Global da Nova Economia – Dentre os temas que são debatidos no Fórum, estão: acordos comerciais entre Mercosul e União Europeia, o novo sistema financeiro, o potencial agroambiental dos países, cidades inteligentes, financiamento da economia verde, liderança feminina e novos parques de produção de medicamentos/vacinas.

O Fórum da Nova Economia é organizado pelo chairman e jornalista Victor Borges e conta com a participação do vice-presidente da Fundação Centro de Estudos do Exterior (Funcex), Miguel Antônio Von Rechberg Lins.

“O Brasil tem um papel fundamental nessa agenda pós-pandemia e de sustentabilidade. Junto com os países convidados, trataremos as bases da Nova Economia Mundial que surge após a Covid-19″, disse Victor Borges.

O Fórum também tem como metas mostrar o que os países e as empresas estão fazendo para tornar o mundo mais sustentável e o comprometimento com a diversidade cultural, com os refugiados e com a garantia de acesso à geração de riquezas e oportunidades de crescimento para todos.

As informações sobre o Global New Economy Forum, programação e palestrantes podem ser acessadas no site. www.gneforum.org


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •