Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Uma chinesa conseguiu escapar de um estupro após dizer ao criminoso que estava tossindo muito e havia acabado de voltar de viagem a Wuhan, epicentro do coronavírus. Segundo a imprensa local, a jovem, identificada apenas como Yi, estava no quarto quando ouviu uma pessoa entrar no recinto.

À polícia, Yi disse que o homem avançou para cima dela e, desesperada, ela começou a gritar: “Acabei de voltar de Wuhan e fui infectada. Estou em casa sozinha em quarentena”. Em seguida, a mulher simulou um episódio de tosse e tentou se livrar das mãos do abusador.

Com medo, o agressor fugiu, mas ainda conseguiu roubar cerca de R$ 1,9 mil em moeda local. Identificado como Xiao, o homem confessou o crime. De acordo com os investigadores, a maior dificuldade em prender o estuprador foi devido ao fato de que todos na cidade estão usando máscaras, o que atrapalha a identificação. (Com Metrópoles).


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •