Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Um reeducando de uma unidade prisional localizada no interior de Mato Grosso precisou de um procedimento cirúrgico para a retirada de dois carregadores de celular de dentro de seu corpo.

A unidade prisional é a Penitenciária Dr. Osvaldo Florentino Leite Ferreira, conhecida como Ferrugem, localizada em Sinop, a 500 km de Cuiabá (MT). O caso foi registrado na quinta-feira (26/11).

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) informou que o detento avisou a um policial penal que havia engolido os equipamentos enquanto aguardava por atendimento psicológico.

Após a confirmação do fato, ele foi levado para um hospital da cidade para exames e, posteriormente, a retirada dos carregadores.

Na segunda-feira (30), ele recebeu alta e foi levado novamente para a unidade prisional.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado junto à delegacia de Polícia Civil no município para apurar como ocorreu a entrada dos equipamentos na penitenciária.

A situação e o motivo em que os aparelhos foram engolidos não foi informada. Com informações de portal O Livre.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •