Compartilhe

O cantor Victor Chaves tentou ajudar um casal de amigos e levou um calote de R$ 500 mil.

Tudo começou em março de 2016, quando o artista fez os amigos assinarem o contrato de meio milhão de reais – o acordo seria pagar R$ 250 mil em até seis meses e o restante em até um ano, mas isso não aconteceu até hoje. As informações são da colunista Fábia Oliveira, do Em Off.

“Ocorre que, na data aprazada para pagamento, os executados não honraram com suas obrigações, ensejando, assim, o vencimento de toda a dívida, tornando-se imediatamente exigíveis todas as obrigações contraídas no respectivo título executivo extrajudicial”, diz a cobrança judicial movida pelo irmão de Léo Chaves.

Inclusive, no contrato assinado já havia estipulado que haveria juros de 0,5% a 2% em caso de atraso – por isso, o valor total agora está em R$ 641.249,39.

Victor Chaves ainda não conseguiu recuperar todo o seu dinheiro, mas recentemente penhorou um dos apartamentos dos amigos em questão, localizado em Belo Horizonte.

RETORNO?

Em entrevista ao portal G1, o cantor acabou de vez com as expectativas dos fãs da dupla e garantiu que não irá reatar com o músico – eles se separaram em 2018 após algumas polêmicas pessoais.

#VictorELeo #Sertanejo #CantorSertanejo #CaiuNoGolpe #Golpe #Victor #Calote #LevouPino


Compartilhe