Foto: GettyImages
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A dieta da fruta baseia-se no consumo de frutas, legumes e uma fonte de proteína magra como frango, peixe ou carne vermelha. A ideia é dar ao sistema digestivo uma pausa dos alimentos processados, permitindo uma desintoxicação no organismo e aumentando a queima de gorduras.

O regime foi desenvolvido pelo nutricionista norte-americano Jay Robb e deve ser feito por, no máximo, 3 dias seguidos. Os alimentos consumidos são responsáveis por 900 a 1.000 calorias por dia, o que permite emagrecer de 3 a 4 kg.

Nesses dias, a única atividade física recomendada é uma caminhada leve de 20 minutos e não se deve beber café ou chá preto, apenas água.

A dieta ajuda a melhorar o funcionamento intestinal devido ao consumo de frutas ricas em fibras, como maçã, pera ou abacaxi, por exemplo, além de aumentar a sensação de saciedade.

A dieta da fruta deve ser feita por apenas 3 dias seguidos e se deve consumir cerca de 900 a 1000 calorias por dia, incluindo de 100 a 125 gramas de proteína no primeiro dia e cerca de 50 gramas de proteína nos outros dois dias.

O consumo de proteína nessa dieta ajuda a poupar os músculos do corpo e a queimar gordura. As frutas também fornecem nutrientes importantes para o funcionamento do organismo, como vitaminas, minerais e fibras.

Embora a dieta da fruta ajude a emagrecer de forma rápida, a pessoa pode se sentir um pouco cansada devido ao baixo consumo de calorias, especialmente porque o regime é muito restritivo.

Se durante os dias de restrição alimentar a pessoa apresentar tontura ou fraqueza, o aconselhado é interromper a dieta e voltar à alimentação normal.

É importante ressaltar que, antes de iniciar qualquer dieta, é necessário aconselhamento médico ou de um nutricionista.

O que comer

Os alimentos permitidos na dieta da fruta são:

  • Frutas frescas, como mamão, morango, melão, banana, abacaxi, maçã e abacate;
  • Vegetais, de preferência crus, como espinafre, brócolis, pepino e tomate;
  • Proteína magra, como carne de frango, peixe, tofu e pescada.

O ideal é que esses alimentos sejam consumidos frescos e que as frutas e os vegetais sejam orgânicos para facilitar a desintoxicação do corpo e o emagrecimento.

Além disso, para evitar a ingestão de muita frutose, um tipo de açúcar presente nas frutas, deve-se dar preferência por comê-las mais verdes, pois o excesso de frutose pode levar ao acúmulo de gordura abdominal.

O que não comer

Os alimentos que não devem ser consumidos durante a dieta da fruta incluem:

  • Carboidratos, como arroz, macarrão, farinha de trigo, pães, bolos, biscoitos e massas;
  • Doces e açúcar de todos os tipos, como chocolates, bolos e biscoitos;
  • Carnes processadas, como salsicha, linguiça, mortadela, bacon, salame, presunto e peito de peru;
  • Alimentos industrializados, como sucos prontos, refrigerantes, enlatados e temperos em pó ou na forma de caldo de legumes e carne;
  • Sal e alimentos ricos em sal, como tempero em cubos, molho inglês, molho shoyo e comida pronta congelada;
  • Bebidas, como refrigerantes – incluindo as versões light ou diet –, bebidas alcoólicas, café, chá preto e chá verde.

Além dos alimentos listados, não se deve consumir suplementos alimentares enquanto se faz a dieta da fruta. (Com informações do portal Tua Saúde)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •