sábado, dezembro 4, 2021

Carlos Santiago

Sobram presidenciáveis, faltam soluções

Por Carlos Santiago* Há um ano das eleições gerais, não faltam e não faltarão postulantes ao cargo de presidente da República, mas ninguém até o momento indicou soluções para superar as graves crises: econômica, social,...

Tempo do narcisista

Por Carlos Santiago* Explicar os tipos de sociedades do mundo atual não é um exercício simples. As transformações se processam com rapidez e afetam as relações sociais e os comportamentos individuais, criando, inclusive, personagens de...

A minha Manaus não existe mais

Por Carlos Santiago* O tempo e os malfeitores levaram a minha Manaus. Agora, ela é só existe na mente e nas lágrimas das lembranças. A cidade que acordava com o canto dos galos, com os pássaros...

CPI da pandemia e a rede de maldades

Por Carlos Santiago* A Comissão Parlamentar de Inquérito - CPI da Pandemia, do Senado Federal, que investiga omissões, desvios de recursos públicos e o uso de tratamento sem eficácia, responsáveis pelas mortes por Covid-19 de...

Felicidade

Por Carlos Santiago* O episódio ocorrido naquela praça pública me fez refletir sobre o que é felicidade. Seria uma conquista financeira? Um amor correspondido? Um sucesso profissional? Um título conquistado pelo clube do coração? O...

Finitude e o sentido da vida

Por Carlos Santiago* Chegamos ao mundo sem pedir. Trazidos por fenômeno cheio de segredos. Evolução ou criação? Não importa. É bom! Mas logo nos deparamos com uma certeza: somos seres e caminhamos para o nada,...

Partidos políticos terão que mudar

Por Carlos Santiago* Nos Estados Modernos, com o sistema democrático consolidado, os partidos políticos ganharam destaques. Raros são os países que aceitam candidaturas eleitorais avulsas, sem filiações partidárias. No caso do Brasil, ninguém disputará eleições...

Ridícula carta de amor

Por Carlos Santiago* Sempre achei difícil a definição de amor. O poeta português Luís de Camões disse que o “amor é fogo que arde sem se ver (...) é querer estar preso por vontade”. O...

Enquanto os poderosos brigam, o povo caminha sem rumo

A Constituição Brasileira define que são Poderes da União, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo, o Executivo e o Judiciário. Independentes significa negar qualquer submissão, nenhum Poder pode sobrepor a outro Poder, e...

A escravidão do ser humano

Por Carlos Santiago* A escravidão do homem é imposta pelos modelos sociais, pelos deuses, pela ideia de passado e de futuro. Família tradicional, patriotismo, vida celestial, ressentimentos, ódio e vida ideal, são algumas "algemas" e...
.td-banner-wrap-full.td-banner-bg.td-container-wrap { background: #104710; }