Compartilhe

Com o objetivo de zelar pela saúde e bem-estar de todos os frequentadores e colaboradores dos espaços culturais administrados pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa, foi iniciado o serviço de sanitização interna dos ambientes por prevenção à propagação do novo coronavírus, causador da Covid-19.

De acordo com a diretora do Teatro Amazonas, Sigrid Cetraro, a sanitização é uma das ferramentas para o enfrentamento da pandemia, além de ser uma forma de garantir que todos possam estar mais seguros durante a realização de suas atividades.

“Essa é uma preocupação muito importante do Governo do Estado, para que a gente enfrente essa pandemia da maneira correta, nos precavendo, nos preservando, atendendo aos protocolos de segurança sanitária que já estão sendo utilizados aqui no teatro, desde o início da pandemia”, destacou a diretora.

E acrescentou que o procedimento é importante demais, tanto para os funcionários, servidores, como para os visitantes, produtores e artistas que se fazem presentes no teatro, diariamente, assim como os corpos artísticos.

300x250tce

A diretora explicou, ainda, como se dá o processo de desinfecção para que todo o espaço passe por esse processo e traga mais segurança aos usuários. “A sanitização se dá no espaço interno do teatro, ou seja, aqui nós temos plateia, nós temos as frisas e camarotes, nós temos fosso, temos marcenaria, administração, então todos esses espaços vão ser cuidadosamente sanitizados”, ressaltou.

Além do Teatro Amazonas, recebem também os serviços de desinfecção os centros culturais Palácio Rio Negro, Palácio da Justiça e Povos da Amazônia (CCPA), o Palacete Provincial, a Casa das Artes e o Teatro da Instalação.

Protocolos de segurança – Para evitar o risco de contaminação, todos os protocolos de segurança são rigorosamente exigidos, entre eles a apresentação da carteira de vacinação contra a Covid-19, o distanciamento social, a aferição da temperatura e o uso obrigatório de máscara. Além disso, há estações de álcool em gel nos espaços.

Visitação – Diante do novo cenário da pandemia, os horários de visitação dos espaços culturais foram alterados temporariamente. A medida serviu ainda para auxiliar no processo de sanitização, que é feito após o término das atividades envolvendo o público.

“Nós reduzimos o horário de atendimento à visitação. Estamos fazendo agora de terça a sábado, no horário das 9h às 15h e reduzimos também os grupos, para que as pessoas se sintam mais confortáveis e mais seguras”, informou a diretora do Teatro Amazonas.

Mais informações sobre visitas e agendamentos podem ser adquiridas pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br).

Confira os novos dias e horários para visitas turísticas:

Teatro Amazonas

Localização: Largo de São Sebastião, Centro de Manaus

Dias e horários de visitação: terça a sábado, das 9h às 15h

Palácio Rio Negro

Localização: Avenida Sete de Setembro, 1.546, Centro

Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Palácio da Justiça

Localização: Avenida Eduardo Ribeiro, 901, Centro

Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Palacete Provincial

Localização: Praça Heliodoro Balbi, Centro

Dias e horários de visitação: quarta a sábado, das 9h às 15h

Centro Cultural dos Povos da Amazônia

Localização: Avenida Silves, 1.222, Distrito Industrial

Dias e horários de visitação: quinta a domingo, das 9h às 14h

Casa das Artes

Localização: Largo de São Sebastião, Centro

Dias e horários de visitação: quarta a domingo, das 16h às 19h


Compartilhe