Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O São Paulo voltou a perder no último domingo e mais uma vez teve problemas pelo lado direito. Sem Antony, Fernando Diniz ainda tenta achar o melhor jogador para ocupar o setor no ataque. Na defesa, Juanfran não voltou bem após a parada e terminou substituídos em dois dos últimos três jogos.

Desde que o futebol voltou, o técnico são-paulino experimentou diferentes formações pelo lado do campo. Primeiro, deixou Pablo mais aberto pelo setor com Pato centralizado no ataque. Mais recentemente, tirou Pato, centralizou Pablo e abriu Igor Gomes, com Daniel Alves avançando mais no meio-campo e assumindo o papel do jovem meio-campista.

O que ainda não mudou foi a escalação da defesa. Juanfran foi titular em todas as partidas – menos contra o Guarani pela última rodada do Paulista, quando o Tricolor teve time alternativo. O espanhol, porém, não vem tendo boas atuações, vem errando em lances capitais e sendo substituído por Igor Vinícius.

“O Igor (Vinícius), assim como todos os jogadores que estão no elenco, tem chance de ser titular. Não conto com reservas e titulares permanentes. Hoje, nas circunstâncias do jogo, resolvi colocá-lo, um jogador descansado, tem um poder ofensivo muito grande. A intenção era de fato ocupar aquele corredor direito de uma maneira mais aguda”, disse Diniz em coletiva após a derrota para o Vasco.

Com mais velocidade e característica ofensiva, o jovem atuou em seis partidas no ano, sendo três como titular. O lateral substituiu Juanfran no segundo tempo da eliminação para o Mirassol no Campeonato Paulista e nos dez minutos finais da derrota do último domingo.

O São Paulo volta a campo nesta quinta-feira, quando enfrenta o Bahia, às 20h no Morumbi pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro. (Metrópoles)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •