Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O Tribunal de Justiça de São Paulo acatou uma denúncia de estupro contra Felipe Prior, ex-participante do Big Brother Brasil 20, e marcou a audiência para 10 de maio de 2021, de acordo com informações da Folha de S. Paulo.

“Verifico que as provas que instruem a denúncia demonstram a materialidade do crime e suficientes indícios a atribuir autoria. Não é caso de rejeição liminar, portanto, recebo a denúncia”, afirma o juiz Luiz Guilherme Angeli Feichtenberger em sua decisão.

Os relatos contam que os crimes foram praticados em 2014, 2016 e 2018. Nenhuma das vítimas realizou o boletim de ocorrência na época por medo. O ex-BBB nega todas as acusações.

Em agosto deste ano, a Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de São Paulo pediu o arquivamento do inquérito, porém o Ministério Público de São Paulo optou por apresentar a denúncia naquele mesmo mês.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •