Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As mãos regem o toque cadenciado de cada instrumento. Caixinhas, surdos, palminhas, repique e rocás seguem o compasso apenas ao comando do Mestre Jonédson Ramos, o Baleinha. Para chegar ao resultado perfeito é preciso muito ensaio. O som explode para o mundo e embala freneticamente a arena para anunciar o Boi de Parintins, o soberano Caprichoso.

“Essa semana decisiva para nós. Somos um time de 400 ritmistas e estamos em consenso com o Conselho de Artes, definimos o repertório das três noites. Asseguramos um show a parte e nesse ano vamos com tudo. A Marujada promete surpresas na arena”, afirmou Mestre Baleinha.

Na reta final dos trabalhos, a parte técnica dos ensaios merece revisão do Conselho de Artes. De acordo com Zandonaide Bastos, ajustes e cronometragem são feitos a fim de aperfeiçoar o ritmo envolvente do item de número três. “Tudo o que foi planejado pela diretoria para esse item estamos colocando em prática. O momento de ajustar e melhorar e esse, pois na arena faremos tudo em busca da perfeição. A maior recompensa é vitória.”, reforçou o conselheiro de artes, que acompanha passo a passo a reta final da execução do repertório nos ensaios técnicos da Marujada de Guerra.

Homenagem

Para encerrar a temporada de ensaios do Boi Caprichoso em 2014, acontece na próxima terça-feira (24) a “Noite da Marujada de Guerra”, no curral Zeca Xibelão. A festa inicia por volta das 21h, com as bandas Canto Parintins, Azul e Branco e Banda Caprichoso, além da participação das torcidas organizadas FAB e Raça Azul, Troup e CDC. Foram confirmadas também a participação do apresentador Arlindo Jr e do levantador de toadas, David Assayag. De acordo com a coordenação de eventos, a festa será uma forma de confraternização entre os ritmistas de Parintins e de Manaus, que chegam ao município no mesmo dia.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •