Foto: Yuri Pinheiro
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Adquiridos por meio de articulação direta do prefeito Bi Garcia (DEM) junto ao presidente da Celeo Redes Brasil, os dez novos leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) vão atender uma demanda de cerca de 400 mil pessoas na região de Parintins e cidades próximas que utilizam a estrutura de saúde do município.

Foram aproximadamente R$ 4 milhões investidos na compra e instalação dos leitos, aporte que se tornou possível graças à lei de antecipação de impostos, criada pelos vereadores parintinenses e sancionada por Bi Garcia.

Os leitos de UTI começaram a funcionar em Parintins desde o último dia 15 de outubro. A instalação também conta com parceria com o Governo do Estado, responsável pelo custeio e manutenção. Para o prefeito Bi Garcia, este é o maior presente que Parintins pode receber no seu aniversário de 169 anos. “Parintins sai na frente com os primeiros leitos de UTI do interior do Amazonas, fruto da parceria com a Celeo Redes Brasil e Governo do Estado do Amazonas, uma conquista importante para o povo de Parintins”, destaca Bi Garcia.

Na avaliação do presidente da Celeo Redes Brasil, Francisco Padilla, a entrega dos leitos para a população marca mais um capítulo de uma bem sucedida parceria com a Prefeitura e o Governo do Estado. “Não é somente uma questão de resolver um problema pontual da pandemia, como também um projeto duradouro que vai atender mais de 400 mil pessoas, muito além da demanda da população de Parintins, atualmente de 140 mil pessoas”, ressalta Padilla.

Presente na entrega da UTI, o governador do Amazonas, Wilson Lima, evidenciou a importância de mais municípios receberem leitos intensivos a elogiou a gestão de Bi Garcia por se tornar um exemplo para outras cidades do interior. “Conseguimos superar esse gargalo e estamos trabalhando para que a gente possa levar não só estrutura de equipamentos, mas também de pessoal para esses locais”, pontua o governador.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •