Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Polícia Federal (PF) prendeu na manhã desta quinta-feira (9/7) um homem de 65 anos, em Bangu, zona oeste do Rio de Janeiro (RJ), acusado de armazenar e compartilhar imagens de abuso e exploração sexual infantil.

A prisão em flagrante delito foi realizada durante cumprimento de mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Criminal Federal do Rio de Janeiro (JFRJ).

Os policiais federais constataram que o preso era usuário da Deep Web, também conhecida como “internet profunda”, e palco de atividades ilegais onde os criminosos se valem do anonimato para exibir, acessar e compartilhar conteúdos ilegais.

Com o preso de 65 anos, a PF encontrou inúmeros arquivos com cenas de violência sexual contra crianças. As investigações tiveram início neste ano, segundo nota publicada no site da corporação.

“Ficou constatado que o investigado, além de armazenar, disponibilizava e transmitia arquivos com cenas de abuso e de exploração sexual de crianças e adolescentes, pela internet, em rede internacional”.

Todo o material apreendido será encaminhado para a realização de exames periciais, de forma a se constatar se ele também praticava outros crimes, como a produção do material ou estupro de vulnerável. (Metrópoles)


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •