Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Polícia Militar do Amazonas, por meio do 11° Batalhão da Polícia Militar (BPM), localizado em Parintins (a 369 quilômetros de Manaus), inaugurou essa semana o espaço do Canil “Tupinambarana”, projeto que iniciou no ano passado e que faz do município pioneiro no policiamento com cães no interior do estado.

O comandante do batalhão, tenente-coronel Corrêa Júnior, esteve à frente da cerimônia, que contou com a participação de autoridades locais e colaboradores do projeto. Além disso, foram entregues os certificados de “Amigo” do 11° Batalhão para os que auxiliaram com doações na criação do Canil.

Corrêa Júnior ressaltou a importância do projeto para o município. “O Canil hoje é uma realidade que vai permanecer em Parintins, mesmo após o meu comando. A partir de agora, o projeto só deve ser melhorado para atender da melhor forma a sociedade parintinense”.

A equipe conta com sete cães, que atuam em ações de faro de narcóticos, busca, resgate, salvamento, guarda e ataque. O comandante ressalta também como o policiamento com cães aumentou a capacidade operativa do batalhão. “Hoje eu tenho o agente e um cão que trabalham com eficiência e rapidez”, destacou.

A equipe já realizou operações nas agrovilas próximas de Parintins e na Vila Amazônia, atuando frente às quadrilhas de tráfico de drogas e veículos da região.

Qualificação – O treinamento ocorre diuturnamente com a equipe do 3° sargento Baraúna, especialista em busca, resgate e salvamento com cães, faro de narcóticos e condutor de cão policial. São preparações específicas para cada ação do batalhão.

Além do policiamento ostensivo, os cães participam de ações sociais realizadas pelo 11º BPM em escolas do município. Corrêa Júnior afirma que um dos objetivos para os animais irem às ações é para socializá-los.

Com informações da assessoria da PM


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •