Foto: Ministério da Saúde
Compartilhe

Para ampliar a capacidade de atendimento ao público infantil, a Prefeitura de Manaus abre, neste sábado, 29/1, mais um local onde poderão ser vacinadas contra a Covid-19 as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades e deficiências e as de 6 a 11 anos sem doenças preexistentes. O novo ponto, anunciado na manhã desta sexta-feira, 28/1, pelo prefeito David Almeida, vai funcionar no Studio 5 Centro de Convenções, na zona Sul, de segunda a sábado, das 9h às 16h. Com a iniciativa, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) aumenta para cinco o total de unidades exclusivas para a imunização das crianças.

O ponto do Studio 5 será coordenado pelo Distrito de Saúde (Disa) Sul e terá 15 postos de vacinação, além dos ambientes de acolhimento e registro. Também haverá espaço de recreação para que as crianças permaneçam, conforme as regras de segurança, por 20 minutos após receberem a dose da vacina.

No início desta semana, a prefeitura passou a contemplar os grupos prioritários 2 e 3 (indígenas, quilombolas e crianças de instituições de longa permanência) e avançou nas idades, passando para o público de 6 a 11 anos da população geral, além de seguir com a vacinação do grupo prioritário 1 (crianças com comorbidades e deficiências), iniciada no último dia 17.

Com a ampliação da campanha, o número de crianças vacinadas subiu para 6 mil, das quais 2,9 mil atendidas apenas nesta quinta-feira, 27, primeiro dia de vacinação dos que têm 6 anos e mais.

300x250tce

“Embora a vacinação infantil não possa ser descentralizada como a de adultos, por recomendação de segurança da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, estaremos agora com cinco pontos e podemos chegar a seis, se necessário”, explica a titular da Semsa, Shádia Fraxe.

A secretária destaca que o objetivo da prefeitura é facilitar o acesso à vacina, cumprir as exigências de qualidade e garantir conforto às crianças e seus acompanhantes.

A meta da prefeitura, como definido pelo Ministério da Saúde (MS), é vacinar 90% da população de 5 a 11 anos, estimado em aproximadamente 260 mil crianças.

Acesso

Com a nova unidade, os cinco pontos de atendimento exclusivos de crianças contra a Covid-19 são: Parque Cidade da Criança e Studio 5 Centro de Convenções, na zona Sul; Clube do Trabalhador-Sesi, na zona Leste; e Centro de Convivência Magdalena Arce Daou, na zona Oeste, com funcionamento de segunda a sábado, das 9h às 16h; e shopping Manaus Via Norte, na zona Norte, que atende nos mesmos dias, das 10 h às 16h.

As crianças devem ser levadas por um dos pais ou outro responsável maior de 18 anos e precisam levar três documentos obrigatórios: certidão de nascimento ou documento de identificação original com foto; cartão nacional do SUS ou CPF, e a caderneta de vacinação.

Não é permitida a aplicação da vacina em crianças que tenham recebido qualquer outro imunizante nos últimos 15 dias e  nas que não estiverem saudáveis.

Para as que têm comorbidades, além dos documentos pessoais, é necessário apresentar laudo médico que comprove comorbidades consideradas prioritárias para a vacinação, conforme lista disponível no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br). Crianças com deficiências (PcD), não há exigência de comprovação desta condição.

Outras informações sobre a vacinação infantil  estão disponíveis no site da Semsa (semsa.manaus.am.gov.br) ou nas redes sociais oficiais da Secretaria (@semsamanaus no Instagram e Semsa Manaus no Facebook).


Compartilhe