Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), por meio da Coordenação de Saúde do Sistema Prisional do Amazonas (CSSPAM), promoveu, na manhã desta quarta-feira (30/09), um evento voltado para a sensibilização do combate à depressão e ao suicídio, encerrando as diversas atividades realizadas em alusão ao “Setembro Amarelo” no sistema prisional.

A equipe de saúde montou um painel na entrada da nova sede da Seap, localizada na avenida Torquato Tapajós, bairro Colônia Terra Nova, com balões e laços amarelos e uma mesa onde estavam dispostos broches, leques e a “caixa do desabafo”. Dentro dela, os servidores podiam colocar seus bilhetes de desabafo, contando se passam por algo que os aflige.

A psicóloga da Seap, Juliana Bertuccelli, realizou dinâmicas participativas com os presentes, incentivando-os a contar suas experiências e pensamentos sobre o tema. “Diversas coisas levam pessoas ao suicídio, como depressão, ansiedade, dependência química, entre outras. Mas cada um nós pode ajudar a atenuar essas situações apenas ficando ao lado dessas pessoas, mostrando que se importa. Isso, muitas vezes, é suficiente para salvar uma vida”.

No encerramento do evento, o secretário titular da Seap, coronel Vinícius Almeida, e todos os servidores soltaram 150 balões amarelos para o céu, como símbolos da esperança de ver tristezas transformadas em alegria. “Esses balões vão ao encontro desse céu levando, simbolicamente, nossa esperança de que os dias nublados de pessoas, psicologicamente abaladas, possam tornar-se ensolarados como este que vemos hoje aqui”, almejou Almeida.

Experiências – Ao longo da ação, muitos servidores compartilharam suas experiências pessoais com amigos, familiares e conhecidos que já passaram, ou que ainda passam, por problemas de cunho psicológico, num momento de reflexão, de conversa e de fortalecimento ao próximo.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •