Texto e foto: Assessoria de Comunicação da vereadora
Compartilhe

Após visitar e conhecer a situação dos moradores do beco Esperança, no bairro Coroado 3, a vereadora Thaysa Lippy (PP) pediu, por meio de um ofício enviado à Prefeitura de Manaus, a construção de uma nova ponte de madeira, entre outras melhorias no local. O pedido foi acatado e a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) iniciou a obra de implantação de 15 metros de ponte de madeira no beco.

A atual ponte instalada há mais de 15 anos tombou por falta de manutenção, prejudicando a passagem dos pedestres que moram na região. A situação se agravou muito nos dois últimos meses, após as fortes chuvas que caíram na capital amazonense nos últimos dias.

“Estive visitando a comunidade Esperança e a do Pântano, no bairro Nova Esperança, que possuem mais de 57 famílias, que estão morando em condições precárias e precisando de melhorias na ponte que é o principal acesso dos moradores naquela localidade. Fiz a solicitação à Prefeitura de Manaus e ficamos felizes por nosso pedido ter sido atendido de imediato”, afirmou a vereadora.

Texto e foto: Assessoria de Comunicação da vereadora

Na última quarta-feira (05/1), o prefeito em exercício e titular da Seminf, Marcos Rotta, esteve no local e determinou o início imediato dos trabalhos. “Aqui, é mais um ponto em que as fortes chuvas e a falta de manutenção prejudicam a vida da população. Sem reforma por anos, essa ponte não aguentou as fortes chuvas e tombou. Uma nova ponte, em madeira, será implantada pelas equipes da Seminf, e, em poucos dias, o problema estará solucionado, como nos determina sempre o prefeito David Almeida”, concluiu Rotta.

De acordo com a Seminf, após a conclusão da obra, a área, que fica por trás da feira do Coroado, irá receber o asfaltamento do beco, onde dezenas de famílias estavam esquecidas pelo poder público.

Ramal do Pipoca

Thaysa Lippy também solicitou da Prefeitura de Manaus serviços de infraestrutura básica no ramal do Pipoca, como é popularmente conhecido, que fica na estrada da Vivenda Verde, bairro Tarumã, e não recebe cuidados de infraestrutura há mais de 10 anos.

“Estive lá, junto com o subsecretário da Seminf, Efrain Aragão, e o pastor Juvenal e verificamos as necessidades do local. Fiz o pedido oficial e acredito que os reparos vão mudar a vida das pessoas para melhor, para aquelas que precisam transitar naquela região”, afirmou.


Compartilhe