Reprodução
Compartilhe

Manaus/AM – Os vereadores aprovaram na segunda-feira (29) na Câmara Municipal a criação do ‘Dia do Obreiro’ da Igreja Universal do Reino de Deus.

O Projeto de Lei (PL) de nº. 210/2021 é de autoria do vereador Márcio Tavares (Republicanos), pastor da Universal, e segue agora para sanção do prefeito David Almeida (Avante). O termo obreiro é usado pelas igrejas para se referir aos voluntários que se prontificam a colher dinheiro de ofertas e realizar orações com fiéis.

O texto segue para a sanção do prefeito David Almeida. 

O projeto de lei foi apresentado no início de maio e recebeu parecer favorável da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), presidida pelo vereador Joelson Silva (Patriota), que é pastor evangélico da Igreja Assembleia de Deus, dos irmãos Câmara.

Na justificativa do PL, Tavares cita versículos bíblicos e argumenta que o obreiro é um perseverante trabalhador que tem o mais alto grau de comprometimento com o Reino de Deus e com as pessoas.

Em maio deste ano, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou – também por unanimidade – a criação do Dia Estadual de Oração e jejum pelo Amazonas, que deve ser realizado a cada ano no segundo domingo de fevereiro.

A propositura foi do deputado estadual João Luiz (Republicanos), que também é pastor da IURD. Além de Tavares, a Universal também elegeu como vereador o também pastor João Carlos.

#CMM #DiaDoObreiro #VereadoresDeManaus #VereadorMárcioTavares #PatorMárcioTavares #IgrejaUniversal #ProjetoDeLei #PL


Compartilhe