Reprodução
Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em um assalto a duas agências, pelo menos 10 ladrões usaram reféns como “escudo humano” contra a polícia. O crime ocorreu na cidade de Nova Bandeirantes (MT), nesta sexta-feira (4/6), e a suspeita é de que o grupo atue na modalidade “novo cangaço”.

A polícia investiga se os suspeitos são do Pará, uma vez que a cidade onde ocorreu o crime é próxima à divisa com o estado.

Segundo o RDNews, a quadrilha usou fuzis e uma espingarda calibre 12 para render clientes e funcionários das agências. O grupo forçou os reféns a tirarem a camisa e ficaram em frente ao local do crime, enquanto levavam o dinheiro. O vigilante levado como refém já foi liberado, mas ainda não há informações se há feridos.

Veja o vídeo abaixo:

A assessoria do banco Sicredi afirmou, em nota, que a agência ficou danificada e que permanecerá fechada até que os reparos sejam feitos.

 

Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •