Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O governador Wilson Lima entregou nesta quinta-feira, 16, duas licenças ambientais à empresa Eneva, que atua no campo do Azulão, em Silves, na prospecção de gás natural.

As concessões permitem à empresa a instalação de uma nova termelétrica e a construção de uma linha de transmissão que interliga a usina ao Sistema Nacional de Energia.

O diretor-presidente do Ipaam, Juliano Valente, ressaltou que todos os critérios da legislação e requisitos ambientais foram observados para a concessão e a consequente geração de energia por meio do gás natural.

A produção do campo de Azulão injeta nos cofres públicos R$ 720 milhões em tributos, dentre royalties, ICMS, ISS e tributos federais. Com o projeto de liquefação, é R$ 1,8 milhão pago em ICMS por mês ao Amazonas. Sem produção, essa arrecadação era igual a zero.

Mais de mil empregos foram gerados durante a construção da usina de liquefação, os poços e toda a estrutura para viabilizar o gás natural.


Compartilhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •